Agente Penitenciário Federal (nível médio) 2012/2013 – 692 vagas

O Departamento Penitenciário Nacional (MJ/Depen) aguarda a autorização do Ministério do Planejamento para a abertura de concurso para 692 vagas, sendo 634 somente para Agente Penitenciário Federal, cargo de nível médio que proporciona remuneração inicial de R$ 4.650,04 (incluindo auxílio-alimentação de R$ 304,00). Na última seleção, realizada em 2008, foi exigida ainda a carteira nacional de habilitação (CNH), na categoria “B” ou superior. O pedido de concurso, em análise no ministério desde o início de junho, é também para oito vagas de técnico de apoio à assistência penitenciária (de nível médio/técnico, com inicial de R$ 3.159,97, com auxílio) e 50 de especialista em assistência penitenciária (superior; R$ 4.521,00).

Embora ainda não tenha sido informada previsão de autorização e abertura do concurso, em abril deste ano, o ministro José Eduardo Cardoso, da Justiça (pasta a qual o departamento está vinculado), chegou a informar que era aguardada apenas a permissão do Planejamento para que o concurso fosse realizado.

Entre os fatores que demandam urgência na realização do concurso é a saída de agentes penitenciários do departamento por terem sido aprovados em concursos das Polícias Federal e Rodoviária Federal. De acordo com a presidente do Sindicato Nacional dos Agentes Penitenciários Federais em Mato Grosso do Sul (SinAPF-MS), Cíntia Rangel Assumpção, cerca de 60 servidores deverão deixar o órgão já em setembro, para assumir o cargo de Policial Rodoviário Federal.

A sindicalista informou que após consulta ao departamento, foi informado que houve acréscimo de 57 vagas de agente ao pedido que tramita no Planejamento, em uma clara intenção de fazer frente às saídas previstas para as próximas semanas. A informação ainda não foi confirmada pelo Depen ou Ministério da Justiça.

Etapas
Por lei, os concursos do departamento são compostos por provas objetiva, de aptidão física e de aptidão psicológica, além de investigação para verificação de antecedentes pessoais e curso de formação. Na seleção aberta em 2008, a prova objetiva para agente versou sobre Língua Portuguesa, Conhecimentos de Informática, Raciocínio Lógico e direitos Constitucional, Administrativo, Penal e Processual Penal, além de Direitos Humanos.


AGENTE PENITENCIÁRIO FEDERAL: veja informações do último certame

PROGRAMA APF 2008
Língua Portuguesa

1. Fonética e Fonologia: Relações entre ortografia, fonética e fonologia: letras e grafemas; encontros vocálicos e consonantais; dígrafos; sílabas; acento tônico; ortografia. 2. Morfologia: classes nocionais e gramaticais; classificação, flexão e emprego de nomes e verbos; processos de formação de palavras; estrutura dos vocábulos. 3. Sintaxe: A frase e sua constituição. O período e sua construção; coordenação e subordinação; termos essenciais, integrantes e acessórios; ordenação dos termos na oração. Concordância nominal e verbal; regência nominal everbal. Emprego do acento indicativo da crase. Pontuação. 4. Estilística: Figuras de estilo (de palavras, de sintaxe, de pensamento); estilística do som, estilística da palavra, estilística da frase, estilística da enunciação. 5. Léxico-Semântica: Ambigüidade e polissemia. Denotação e conotação. Sinonímia, antonímia, homonímia, paronímia, hiperonímia, hiponímia; eponímia; campos semânticos e famílias lexicais. Neologismos. Estrangeirismos e empréstimos. 6. Organização Textual: Texto: assunto, tema, tese, título, ponto de vista, argumentação; coesão e coerência; referenciação. Parágrafo: construção e desenvolvimento. Frase: discurso direto, discurso indireto, discurso indireto livre; adequação semântica e adequação sintática. Gêneros textuais. Tipologia textual: descrição, narração, dissertação. 7. Variação Lingüística: Sistema, norma e uso. Níveis de linguagem: língua padrão, coloquial e vulgar. Adequação e aceitabilidade.
Bibliografia utilizada:
AQUINO, Renato. Interpretação de textos. Rio de Janeiro: Campus/Elsevier, 2005. BRANDÃO, Roberto de Oliveira. As figuras de linguagem. São Paulo: Ática. 1989. CEREJA, William R. & MAGALHÃES, Tereza C. Gramática reflexiva: texto, semântica e interação. São Paulo: Atual, 2005. CUNHA, Celso & CINTRA, Lindley. Nova Gramática do português contemporâneo. Rio de Janeiro: Lexicon, 2007. FIORIN, José Luiz & SAVIOLI, Francisco P. Lições de texto: leitura e redação. São Paulo: Ática, 2006. GARCIA, Othon M. Comunicação em prosa moderna. Rio de Janeiro: Fund. Getúlio Vargas, 2004. HENRIQUES, Claudio Cezar. Morfologia: estudos lexicais em perspectiva sincrônica. Rio de Janeiro: Campus/Elsevier, 2008. Sintaxe: estudos descritivos da frase para o texto. Rio de Janeiro: Campus/Elsevier, 2008. KOCH, Ingedore V. A coesão textual. São Paulo: Contexto, 1991. & TRAVAGLIA, Luiz Carlos. A coerência textual. São Paulo: Contexto, 1997. MORATO, Edwiges M. & BENTES, Anna Christina (orgs.) Referenciação e discurso. São Paulo: Contexto, 2005. RIBEIRO, Manoel Pinto. Nova Gramática aplicada da língua portuguesa: uma comunicação interativa. Rio de Janeiro: Metáfora, 2007.

Conhecimentos de Informática
Noções de hardware e software de computador. Noções de sistemas operacionais: Microsoft Windows e Linux. Processadores de Texto: Microsoft Word e BROffice Writer. Planilhas eletrônicas: Microsoft Excel e BROffice Calc. Noções de redes de computadores, Internet e Intranet. Programas de navegação (Microsoft Internet Explorer e Mozilla Firefox) e correio eletrônico (Outlook Express e Mozilla Thunderbird). Grupos de discussão, sites de busca e pesquisa na Internet. Noções de segurança e proteção: vírus, worms e derivados.
Bibliografia utilizada:
Ajuda “on line” dos softwares constantes do programa e da bibliografia. FRANÇA, Jadiel. Informática para Concursos. Editora Ciência Moderna, 2006. MANZANO, José A.N.G. BR-Office.Org 2.0 – Guia Prático de Aplicação. Editora Érica, 2006. MORIMOTO, Carlos E. Guia Prático do Linux: entendendo o sistema. Editora Sulina, 2006. OLIVEIRA, Marina A.M. Microsoft Office 2003 Standard. Editora Brasport, 2004. RAMALHO, José A.A. Microsoft Windows XP: Teoria e Prática. Editora Berkeley, 2002. RUAS, Jorge. Informática para Concursos. 5a Edição. Editora Campus, 2007.

Raciocínio Lógico
Problemas de raciocínio lógico objetivando: 1) avaliar a habilidade do candidato em entender a estrutura lógica de relações arbitrárias entre pessoas, lugares, objetos, eventos ou situações fictícias, bem como deduzir novas informações das relações fornecidas; 2) avaliar noções básicas dos seguintes assuntos: Sucessões, Máximo Divisor Comum e Mínimo Múltiplo Comum; Teoria dos Conjuntos; Análise Combinatória; Estatística e Probabilidade.
Bibliografia utilizada:
IEZZI, G., DOLCE, O., MACHADO, A., Matemática e Realidade: Ensino Fundamental, 5ª a 8ª Série, Editora Atual, 2005. SÉRATES, J. Raciocínio Lógico, Volumes I e II. Editora Jonofon Sérates, 11a edição, 2004. ROCHA, E., Raciocínio Lógico: Teoria e Questões. Editora Campus, 2a Edição, 2006.

Conhecimentos específicos
DIREITO CONSTITUCIONAL
1. Direitos e garantias fundamentais: direitos e garantias individuais e coletivos; direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade; direitos sociais; nacionalidade; cidadania e direitos políticos. (arts. 5 a 11) 2. Poder Executivo: forma e sistema de governo; chefia de Estado e chefia de Governo. (arts. 12 a 17) 3. Defesa do Estado e das instituições democráticas: segurança pública; organização da segurança pública. (arts. 20 a 28; 32, 136 a 144) 4. Ordem social: base e objetivos da ordem social; seguridade social; educação, cultura e desporto; ciência e tecnologia; comunicação social; meio ambiente; família, criança, adolescente e idoso. (arts. 193 a 236) 5. Anistia e Indulto. (art. 21; 84)

DIREITO ADMINISTRATIVO
1. Estado, governo e administração pública: conceitos, elementos, poderes e organização; natureza, fins e princípios. 2. Organização administrativa da União; administração direta e indireta. 3. Agentes públicos: espécies e classificação; poderes, deveres e prerrogativas; cargo, emprego e função públicos; regime jurídico único: provimento, vacância, remoção, redistribuição e substituição; direitos e vantagens; regime disciplinar; responsabilidade civil, criminal e administrativa. 4. Poderes administrativos: poder hierárquico; poder disciplinar; poder regulamentar; poder de polícia; uso e abuso do poder. 5. Atos administrativos: conceitos, requisitos, atributos, classificação, espécies e invalidação. 6. Controle e responsabilização da administração: controle administrativo; controle judicial; controle legislativo; responsabilidade civil do Estado. 7. Lei nº 8.112, de 11 de dezembro de 1990, publicada no D.O.U. de 12 de dezembro de 1990 e posteriores atualizações (regime Jurídico dos Servidores Públicos Civis da União). 8. Lei nº 8.429, de 2 de junho de 1992, publicada no D.O.U. de 3 de junho de 1992 (dispõe sobre as sanções aplicáveis aos agentes públicos nos casos de enriquecimento ilícito no exercício de mandato, cargo, emprego ou função da administração pública direta, indireta ou fundacional e dá outras providências).

DIREITO PENAL
1. Infração penal: elementos, espécies. (arts. 13 a 25) 2. Sujeito ativo e sujeito passivo da infração penal. (arts. 26 a 31) 3. Tipicidade, ilicitude, culpabilidade, punibilidade. (arts. 1 a 12) 4. Imputabilidade penal. (arts. 26 a 28) 5. Concurso de pessoas. (arts. 29 a 31) 6. Crimes contra a pessoa.(arts. 121 a 154) 7. Crimes contra o patrimônio. (arts. 155 a 183) 8. Crimes contra a Administração Pública. (arts. 312 a 359-H) 9. Abuso de autoridade (Lei nº 4.898 de 9 de dezembro de 1965, publicada no D.O.U. em 13 de dezembro de 1965). 10. Lei nº 11.343, de 23 de agosto de 2006, publicada no D.O.U. de 24 de agosto de 2006. 11. Crimes contra a ordem tributária (Lei nº 8.137 de 27 de dezembro de 1990, publicada no D.O.U. de 28 de dezembro de 1990). 12. Crimes hediondos (Lei nº 8.072 de 25 de julho de 1990, publicada no D.O.U. de 26 de julho de 1990). 13 Crimes de tortura (Lei nº 9.455 de 7 de abril de 1997, publicada no D.O.U. de 8 de abril de 1997). 14. Lei de Execução Penal (Lei nº 7.210 de 11 de julho de 1984, publicada no D.O.U. de 13 de julho de 1984). 14. Estatuto do Desarmamento (Lei nº 10.826 de 22 de dezembro de 2003, publicada no D.O.U. de 23 de dezembro de 2003).

DIREITO PROCESSUAL PENAL
1. Inquérito policial; notitia criminis.(arts. 4 a 23)2. Ação penal; espécies. (arts. 24 a 62) 3. Jurisdição; competência. (arts. 69 a 91) 4. Prova (artigos 155 a 184 do Código de Processo Penal). 5. Prisão em flagrante.(arts. 8, 26 e 282 a 310) 6. Processos. dos crimes de responsabilidade dos funcionários públicos. (arts. 513 a 518)

DIREITOS HUMANOS
Declaração Universal dos Direitos Humanos (adotada e proclamada pela Resolução 217-A (III) – da Assembléia Geral das Nações Unidas, em 10 de dezembro de 1948). Os Direitos Humanos na Constituição Federal de 1988 (artigos 5º ao 15).

Bibliografia utilizada em Direito Constitucional:
Constituição Federal de 1988. BONAVIDES, Paulo. Curso de Direito Constitucional, Malheiros, 23ª Ed. 2008. TEMER, Michel. Elementos de Direito Constitucional, Malheiros, 22ª Edição 2007
Bibliografia utilizada em Direito Administrativo:
Constituição Federal de 1988 (e suas atualizações); Lei nº 8112/90 (e suas atualizações); Lei nº 8429/92 (e suas atualizações); Lei nº 9784/99 (e suas atualizações); DI PIETRO, Maria Sylvia Zanella. Direito Administrativo, Atlas, 21ª Ed., 2008. MELLO, Antônio Celso Bandeira. Curso de Direito Administrativo, Malheiros, 25ª Ed., 2008. GARCIA, Emerson; ALVES, Rogério Pacheco. Improbidade Administrativa, Lúmen Júris, 4a Ed., 2008
Bibliografia utilizada em Direito Penal:
Constituição Federal de 1988 (e suas atualizações); Código Penal (e suas atualizações); Lei nº 4.898/65 (e suas atualizações); Lei nº 7.210/84 (e suas atualizações); Lei nº 8.072/90, com as alterações introduzidas posteriormente em especial a Lei nº 8.930/94 (e suas atualizações); Lei nº 8.069/90. Estatuto da Criança e do Adolescente (e suas atualizações); Lei nº 8.137/90 (e suas atualizações); Lei nº 8.666/93 (arts. 89 a 99) (e suas atualizações); Lei nº 9.455/97 (e suas atualizações); Lei nº 10.826/2003 (e suas atualizações); Lei nº 11.343/2006 (e suas atualizações); Lei nº 13.343/2006 (e suas atualizações) Institui o Sistema Nacional de Políticas Públicas sobre Drogas – Sisnad; prescreve medidas para prevenção do uso indevido, atenção e reinserção social de usuários e dependentes de drogas; estabelece normas para repressão à produção não autorizada e ao tráfico ilícito de drogas; define crimes e dá outras providências; Lei nº 11.466/2007 (e suas atualizações). Altera a Lei no 7.210, de 11 de julho de 1984 – Lei de Execução Penal, e o Decreto-Lei no 2.848, de 7 de dezembro de 1940 – Código Penal, para prever como falta disciplinar grave do preso e crime do agente público a utilização de telefone celular. CAPEZ, Fernando. Curso de Direito Penal, Vol. I, Saraiva, 12ª Ed., 2008. CAPEZ, Fernando. Curso de Direito Penal, Vol. II, Saraiva, 8ª Ed., 2008. CAPEZ, Fernando. Curso de Direito Penal, Vol. III, Saraiva, 6ª Ed., 2008. CAPEZ, Fernando. Curso de Direito Penal, Vol. IV, Saraiva, 3ª Ed., 2008.
Bibliografia utilizada em Direito Processual Penal:
Constituição Federal de 1988 (e suas atualizações); Código de Processo Penal (e suas atualizações); CAPEZ, Fernando. Curso de Processo Penal, Saraiva, 15ª Ed., 2008. RANGEL, Paulo C. Direito Processual Penal, Lumen Juris, 15ª Ed. , 2008.
Bibliografia utilizada em Direitos Humanos:
Declaração Universal de Direitos Humanos (e suas atualizações); Constituição Federal de 1988 (e suas atualizações); Decreto nº 6044/2007 (e suas atualizações); Decreto nº 5397/2005 (e suas atualizações); FERREIRA FILHO, Manoel Gonçalves. Direitos Humanos Fundamentais, Saraiva, 10ª Ed., 2008. COMPARATO, Fabio Konder. A Afirmação Histórica dos Direitos Humanos, Saraiva, 6ª Ed., 2008.

Com informações da Folha Dirigida e do Ministério da Justiça.

About these ads

Sobre Editor

Professor / Editor do blog.

Publicado em setembro 5, 2012, em +Concursos Federais, Ministério da Justiça, MJ-DEPEN e marcado como , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. 54 Comentários.

  1. josicledson cavalante pereira

    gostei muito dessas informações!!

    • welber marcelino

      é quase impossivel,passar nesse concurso “agente penitenciario federal” pelo que eu vi e avaliei,o candidato tem que ser professor em computação e em portugues!!!!rrrrs…………..rrrs…………….!!!!!!!!!

  2. A PRF e a PF deveriam também aderir ao nível médio para o concurso de agente ,até porque estão precisando de efetivo, e não é o nível superior que faz o agente e sim o seu comprometimento com a justiça socioeconômica e principalmente o seu caráter.

    Marlucia Torres , guarda civil municipal de anchieta.

  3. concordo pra q nivel superior …

    • Bom dia, Everton:
      A carreira de Agente Penitenciário Federal é disciplinada pela Lei n.º 10.693, de 25 de junho de 2003, que define as atribuições gerais dos ocupantes do cargo. Nela, estão definidos que o ingresso na Carreira de Agente Penitenciário Federal dar-se-á na classe inicial, mediante aprovação em concurso público específico de provas, exigindo-se certificado de conclusão do ensino médio para acesso ao cargo efetivo que integra.
      A discussão de alteração de nível, realizada por associações e sindicatos da categoria, é em decorrência da tentativa de indexação de salários com a Polícia Federal e Polícia Rodoviária Federal, aumentando consideravelmente a remuneração, bem como ampliando a manutenção dos novos aprovados nos cargos. Entretanto, até o momento o MPOG não sinalizou com tal alteração.

      Um abraço.

      Editor/Blog

  4. francisco dilson

    obrigado pelo esclarecimento!!
    Vou ficar no aguardo

  5. francisco dilson

    obrigado pelo esclarecimento!!
    Vou ficar no aguardo. Quero saber onde serão as provas?

  6. francisco dilson

    Quero saber onde serão as provas?

    • Boa tarde, Francisco:
      Tudo bem?
      As provas, em concursos federais, são realizadas, via de regra, nas capitais das UFs em que há vagas disponíveis. No caso do APF-MJ nos estados em que há presídios federais. Outros detalhes só sabemos na abertura do edital de concurso.

      Um abração.

      Editor/Blog

  7. Odair José dos santos

    obrigado pelo esclarecimento!! vou ficar no aguardo.

  8. Bom dia! A todos, qual a idade que devera ter para prestar o concurso?

    • Bom dia, Luciana:
      Segundo requisito presente no último Edital para o cargo, o candidato ter idade mínima de 18 anos completos na data da posse.

      Um abraço.

      Editor/Blog

  9. A questão de nivel, deveria ser a base de um bom salário,e nao de concorrência por uma vaga, há muitas pessoas, que realmente no nivél médio, tem mais capacidade em um trabalho policial, em responsábilidade do que outros de nivel superior, acredito que todos tem capacidade em realizar um trabalho assim como esse, que esta sendo bastante.disputado, todos deveriam ter a mesma oportunidade, independente de nivél, a nao ser na questão do salário, um abraço para todos.

    • Boa tatde para todos. Obrigado pelo esclarecimento!
      Vou ficar no aguardo,espero que um dia todos possam fazer á prova para P.F. mesmo
      que não tenha concluido ou não feito o ensino superior,porque na verdade não é o diploma,mais sim o carater.
      Que todos possam realizar os seus sonhos, não é aquele que vc ( dorme ), mas sim na realidade.Obrigado…

  10. MOISES MARTINS MARCOS

    boa tarde. Qual a idade máxima para participar do concurso?

    • Boa tarde, Moisés:
      Para o cargo de Agente Penitenciário Federal (nível médio) não há limite de idade nas regras estabelecidas em concurso público.
      Veja os requisitos exigidos no último certame válido:

      3. DOS REQUISITOS PARA INVESTIDURA NO CARGO
      3.1. O candidato deverá atender, cumulativamente, para investidura no cargo, aos seguintes requisitos:
      a) ter sido aprovado e classificado no Concurso Público;
      b) ter nacionalidade brasileira e, no caso de nacionalidade portuguesa, estar amparado pelo estatuto de igualdade entre brasileiros e portugueses, com reconhecimento do gozo dos direitos políticos, nos termos do parágrafo 1º do art. 12 da Constituição da República Federativa do Brasil e na forma do disposto no art. 13 do Decreto nº 70.436, de 18 de abril de 1972;
      c) ter idade mínima de 18 anos completos na data da posse;
      d) estar em gozo dos direitos políticos;
      e) estar quite com as obrigações militares e eleitorais;
      f) firmar declaração de não estar cumprindo sanção por inidoneidade, aplicada por qualquer órgão público ou entidade da esfera federal, estadual ou municipal;
      g) possuir os pré-requisitos exigidos, conforme discriminado no item 2 deste Edital;
      h) apresentar outros documentos que vierem a ser exigidos; e
      i) ser considerado apto na inspeção médica oficial, conforme o disposto no art. 14, da Lei nº 8.112, de 11 de dezembro de 1990. Caso o candidato seja considerado inapto para o exercício do cargo, por ocasião da inspeção médica oficial, este não poderá tomar posse.
      3.2. Todos os requisitos especificados no subitem 3.1 deste Edital, alíneas “b” a “h”, deverão ser comprovados por meio da apresentação de documento original ou declaração, juntamente com fotocópia, sendo eliminado do Concurso Público aquele que não os apresentar, assim como aquele que for considerado inapto na inspeção médica oficial.

      Um abraço.

      Editor/Blog

  11. Quando será este concurso, obrigado

  12. OLÁ BOM DIA,EM PRIMEIRO LUGAR GOSTARIA DE SABER SE JÁ YEM PREVISÃO DA REALIZAÇÃO DO CONCURSO,EU JÁ TRABALHO NA AREA DE SEGURANÇA NA MINHA CIDADE TRABALHO NA CCPJ(CENTRAL DE CUSTÓDIA PRESO DE JUSTIÇA)MAS ESTOU ESPERANDO O CONCURSO FEDERAL E TB GOSTARIA DE SABER SE VAI TER LIMITES DE IDADE E QUAL SERIA A FUNDAÇÃO QUE IRÁ REALIZAR O CONCURSO ATENCIOSAMENTE ISMAEL

    • oi boa tarde gostaria de saber se ja tem previsão para o concurso de agente prisional de sc.obrigada

      • Boa noite, Geizy:
        A Secretaria de Estado da Justiça e Cidadania (SJC) fará um concurso público em 2013 visando o preenchimento de 300 vagas para agente penitenciário e 20 para agente socioeducativo, totalizando 320 vagas. A informação oficial, fornecida no site oficial da SJC no último dia 20/12/2012, é que o edital deve ser publicado entre 20 de fevereiro e 20 de março do próximo ano.

        Um grande abraço.

        Bons estudos e grande 2013 para ti.

        Prof. Omar Martins
        Editor
        Facebook (FanPage): https://www.facebook.com/prof.omarmartins
        Twitter: @profomar
        Blog: http://profomar.wordpress.com
        E-mail: prof.omar@terra.com.br
        Skype: zara1884

  13. maria conceição leal ferreira

    quero que me avizem nos dias de fazer as incrições estou preparada obrigado.

  14. A diferença do possível e do impossível está na vontade humana!

  15. O la boa tarde!!! qnd tera novas vagas para este concursos ???

  16. flavia ferreira da silva

    Bom dia tenho 29 anos e tenho 1,55 e gostaria de saber se posso fazer esse concurso de agente peneteciario federal sou louca pra fazer meu é flávia ou no momento é só pra homém.

    • Boa noite, Flavia:
      Tudo bem? Felicidades em 2013.
      O concurso do DEPEN-MJ está aberto indistintamente a homens e mulheres.
      Segundo o último Edital do certame: http://garraconcursos.files.wordpress.com/2012/09/edital_depen2008.pdf

      3. DOS REQUISITOS PARA INVESTIDURA NO CARGO
      3.1. O candidato deverá atender, cumulativamente, para investidura no cargo, aos seguintes requisitos:
      a) ter sido aprovado e classificado no Concurso Público;
      b) ter nacionalidade brasileira e, no caso de nacionalidade portuguesa, estar amparado pelo estatuto de igualdade entre brasileiros e portugueses, com reconhecimento do gozo dos direitos políticos, nos termos do parágrafo 1º do art. 12 da Constituição da República Federativa do Brasil e na forma do disposto no art. 13 do Decreto nº 70.436, de 18 de abril de 1972;
      c) ter idade mínima de 18 anos completos na data da posse;
      d) estar em gozo dos direitos políticos;
      e) estar quite com as obrigações militares e eleitorais;
      f) firmar declaração de não estar cumprindo sanção por inidoneidade, aplicada por qualquer órgão público ou entidade da esfera federal, estadual ou municipal;g) possuir os pré-requisitos exigidos, conforme discriminado no item 2 deste Edital;
      h) apresentar outros documentos que vierem a ser exigidos; e
      i) ser considerado apto na inspeção médica oficial, conforme o disposto no art. 14, da Lei nº 8.112, de 11 de dezembro de 1990. Caso o candidato seja considerado inapto para o exercício do cargo, por ocasião da inspeção médica oficial, este não poderá tomar posse.
      3.2. Todos os requisitos especificados no subitem 3.1 deste Edital, alíneas “b” a “h”, deverão ser comprovados por meio da apresentação de documento original ou declaração, juntamente com fotocópia, sendo eliminado do Concurso Público aquele que não os apresentar, assim como aquele que for considerado inapto na inspeção médica oficial.

      Sobre tua altura, veja a Instrução Normativa que regulamenta o a aplicação da prova de aptidão física no concurso público para ingresso nas carreiras de Agente Penitenciário Federal em http://www.vestcon.com.br/ft/conc/4356.pdf especialmente no art. 18.

      Espero ter ajudado. Um grande abraço.

      Bons estudos e grande 2013 para ti.

      Prof. Omar Martins
      Editor
      Facebook (FanPage): https://www.facebook.com/prof.omarmartins
      Twitter: @profomar
      Blog: http://profomar.wordpress.com
      E-mail: prof.omar@terra.com.br
      Skype: zara1884

  17. gostaria de receber novas noticias do concurso de agente penitenciário da pf pelo email;

  18. jhonatan camargo marcal

    Boa noite.o agente penitenciário federal terá o poder de policia e liderar comprar
    arma de fogo

  19. gostaria de saber se vai ter prova pratica,como eu faço para adiquirir os livros para estudar

    • Boa tarde, Elane:
      Tudo bem? Felicidades em 2013.
      Por lei, os concursos do departamento são compostos por provas objetiva, de aptidão física e de aptidão psicológica, além de investigação para verificação de antecedentes pessoais e curso de formação. Na seleção aberta em 2008, a prova objetiva para agente versou sobre Língua Portuguesa, Conhecimentos de Informática, Raciocínio Lógico e direitos Constitucional, Administrativo, Penal e Processual Penal, além de Direitos Humanos.

      No curso de formação são realizadas inúmeras provas práticas como, por exemplo, de uso de armas de fogo.

      Há farta bibliografia e livros disponíveis sobre os temas abordados no conteúdo programático do concurso anterior. Recomendo verificar a bibliografia no último edital e verificar possibilidades.

      Com a abertura do novo edital certamente teremos apostilas e cursos preparatórios.

      Um abraço. Bons estudos!

      Prof. Omar Martins
      Professor/Editor AGORA+
      Curso EAD Magistério Estadual 2013: http://www.garraconcursos.com.br/curso-preparatorio-ead-via-internet-concurso-magisterio.html
      Facebook (FanPage) – Prof. Omar Martins: https://www.facebook.com/prof.omarmartins
      Facebook (FanPage) – AGORA+ : goo.gl/hj1V0
      Twitter: @profomar
      Blogs: http://profomar.wordpress.com | http://garraconcursos.wordpress.com
      E-mail: prof.omar@terra.com.br
      Skype: zara1884

  20. jose ribeiro venancio filho

    acho que cada vez dificultan mais para ser um agente.Porque não contratam pessoas que realmente quer e precisam trabalhar e que não tenha antecedente criminal? assim pesquisando sobre a vida de cada candidato.Como a pessoa e no bairro onde mora até mesmo dentro de casa. Pra realmente ter proficionais capazes.E com seus treinamentos assim voces terian pessoas preparadas para o tipo trabalho preciso.

  21. Oiii…tenho uma tatuagem de 5 centímetros no meu ant-braço em formato de um nome gostaria de saber se posso fazer esse concurso de agente penitenciário federal…

  22. mais sera qando essa prova e vai ate quando as inscrições???

  23. Olá, queria saber quando vai sair o edital e eu só terminei o ensino médio, tem algum problema? Também queria saber onde faço o curso para esse tipo de concurso! Abraço! :)

    • Boa noite, Sabrina:
      Tudo bem?
      O requisito de escolaridade no certame do DEPEN-MJ é de “certificado, devidamente registrado, de conclusão de curso de nível médio, fornecido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação e Carteira Nacional de Habilitação, no mínimo, da categoria “B”. (…)

      Um abraço.
      Equipe AGORA+ Garra EAD

  24. opa, estou estudando pesado pro concurso da PRF, caso eu nao passe, passo nesse de Agente Pen. Federal o/ fiquei feliz com a noticia :D

  25. cleilta de oliveira

    ola professor queria saber se tem vagas para o rio grrande do norte (mossoro)

    • Boa tarde, Cleilta:
      Segundo informações, o novo concurso do DEPEN-MJ irá destinar vagas para todas as penitenciárias federais. Entretanto, só saberemos ao certo e os quantitativos de vagas na publicação do novo edital.

      Um abraço e bons estudos.

      Equipe AGORA+ Garra EAD

  26. Boa noite!Gostaria de saber se existe idade máxima para participar do concurso e poder tomar posse do cargo? Obrigado

O espaço de comentários do blog pode ser moderado. Não serão aceitas mensagens: • que violem qualquer norma vigente no Brasil, seja municipal, estadual ou federal; • que contenham conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia; • que contenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas; • que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica; de cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie; • que caracterizem prática de spam; • anônimas ou assinadas com e-mail falso; • fora do contexto da matéria; • exclusivamente em caixa alta; • com mais de dois mil caracteres.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 28.065 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: